"O melhor da gastronomia embalado para viagem."

... Cozinhar é também fazer poesia. É abrir ouvidos, olhos, boca e nariz para perceber o que faz sentido entre temperos e medidas. É entrar neste estado de coisas latentes e cavar o silêncio....
Juliana Venturelli

quinta-feira, 25 de março de 2010

Agricultura familiar


"Mistura fina" faz parte da agricultura familiar.....

A agricultura familiar é aquela que exerce papel fundamental na economia de uma parcela significativa das pequenas cidades brasileiras. Em muitos casos, é ela a responsável pelo bom desempenho dos negócios urbanos, pelo suprimento da demanda interna de alimentos e pela manutenção do homem no meio rural.



A agricultura Familiar é a principal responsável pela produção dos alimentos que são disponibilizados para o consumo da população brasileira. É constituída de pequenos e médios produtores rurais, comunidades tradicionais, assentamentos da reforma agrária e pessoas que participam do êxodo urbano, e entre seus principais produtos estão: milho, mandioca, leite, gado de corte, ovinos, caprinos, suínos, aves, defumados, mel, olerícolas, feijão, cana, arroz, café, trigo, mamona, fruticulturas e hortaliças, além de alimentos processados como sucos, polpas, conservas, doces, biscoitos, farinha, frutas desidratadas,queijos, iogurtes e defumados.




Girassol para extração de óleo e semente


Favo de mel



Segundo ã legislaçao vigente, agricultor familiiar define-se como aquele que pratica atividades no meio rural, atendendo aos seguintes requisitos:

• Utilize predominantemente mão-de-obra da própria família nas atividades econômicas vinculadas ao próprio estabelecimento ou empreendimento;

• Sejam proprietários, posseiros, arrendatários, parceiros ou concessionários da Reforma Agrária

• Residam na propriedade ou em local próximo;

• Detenham, no máximo 4 (quatro) módulos fiscais de terra, quantificados conforme a legislação em vigor, ou no máximo 6 (seis) módulos quando tratar-se de pecuarista familiar;

• Mantenham até 2 (dois) empregados permanentes – sendo admitida a ajuda eventual de terceiros

• Tenha renda familiar predominantemente originada de atividades econômicas vinculadas ao próprio estabelecimento ou empreendimento (com 80% da renda bruta anual familiar advinda da exploração agropecuária ou não agropecuária do estabelecimento)

IMPORTANCIA DA AGRICULTURA FAMILIAR NO BRASIL




• A agricultura familiar ocupa 30,5% das terras agriculturáveis, mas responde por 37,9% da produção agropecuária brasileira

• A agricultura familiar, geralmente associada a formas atrasadas de cultivo e à produção para subsistência, está no cerne do moderno agrobusiness brasileiro, respondendo por 31,6% da produçãode soja, 39,9% da produção de aves e 48,6% da produção de milho, tendo, portanto, forte presença nas exportações.





• Garantir a qualidade de vida da família no campo;

• Garantir a manutenção dos recursos naturais;

• Organizar seu sistema de produção a partir das tecnologias disponíveis;

• Buscar novos mercados;
• Ganhar escala dentro de um microsistema;

• Produzir com preços mais competivos (produção artesanal agrega maior valor ao produto, que chega ao mercado com um preço diferenciado daquele produzido em larga escala);
• Ter acesso a informação (internet e telefone não estão disponíveis em várias regiões do interior);
• Ter acesso rodoviário aos pólos de compra da matéria prima e venda da produção (uma vez que as estradas no meio rural encontram-se em péssimo estado de conservação dificultando o transito);
• Deixar claro para o consumidor a qualidade do produto beneficiado nas agroindústrias e a diferença; desta forma de produção para as grandes indústrias;

• Melhorar a capacidade organizacional dos produtores.


POR QUE CONSUMIR PRODUTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR E DAS AGROINDÚSTRIAS
• Consumir produtos com um alto padrão de qualidade (certificados e inspecionados);

• Combater a exploração do homem do campo e nas cidades;

• Valorizar um processo de produção em menor escala com menores impactos ambientais;

• Contribuir para o desenvolvimento das pequenas cidades;

• Melhorar a qualidade de vida das famílias rurais;

• Fortalecer a cultura brasileira;

• Combater o êxodo rural;






Histórico Mistura fina



Mistura Fina atua informalmente desde o ano de 2005 , no Sito Abaetetuba, na região serrana do Rio de Janeiro, em Nova Friburgo (Lumiar) com a produção e comercialização de produtos em conservas.

Visando integrar a crescente produção da horta e dos sistemas agroflorestais , e devido a dificuldade de escoar a produção, em 2009, montou-se uma agroindústria, para o beneficiamento das frutas e hortaliças, provenientes do sítio, transformando-as em frutas desidratadas (banana passa) e conservas.

                                               
                                                             Banana na estufa desidratando
Atualmente a agroindústria, que cumpre todos os pré-requisitos estabelecidos pela vigilância sanitária.



Área de processamento


 Vem trabalhando com os seguintes sabores de conservas:

Antepasto de abobrinha, Chutney de berinjela, berinjela caponata, Tomate seco ao alho, pasta de tomate seco, conserva de pepino (tipo relish), molho de tomate cereja com alho poró, Molho de pimenta suave, geléia de abacaxi com pimenta e geléia de morango e morango com pimenta.





Matéria prima para geléia de abacaxi com pimenta



                                            Matéria prima para geléia de abacaxi com pimenta

A Mistura fina é uma produção artesanal, produz conservas naturais sem aditivos químicos com pouca utilização de maquinários, para manter o padrão de qualidade exigido pelos clientes mais exigentes.
As conservas e as geléias são feitas em pequenas bateladas e tem como principio a não utilização de conservantes.
São utilizados processos idênticos aos tradicionais europeus para a conservação dos alimentos no inverno, como a pasteurização.
Pasteurização
A pasteuizacao é um método antigo de conservação de alimentos, muito empregado pelos países frios para a conservação de alimentos durante o inverno. Nesta técnica o alimento é colocado ainda quente em potes de vidro esterilizados e tampados, e levas os a uma temperatura de 100 graus por 10 minutos ou mais, dependendo do volume do pote.
A elevação da temperatura destrói as células vegetativas patogênicas e aproximadamente 90% dos microorganismos deteriorantes.
Após este processo os potes são resfriados, contraindo e expulsando o ar, e criando uma atmosfera anaeróbia pouco propicia ao desenvolvimento de microorganismos.
Esta técnica permite conservar alimentos por até 2 anos, mantendo-os em um local ao abrigo da luz e do calor.  Nos países frios, esta conservação pode ser ainda melhor.


Pepino

Por que consumir Mistura fina:


  • Produto de qualidade comprovada;
  • Produzido de forma ética;
  • Conservas em azeite extra-virgem;
  • Geléias com alta concentração de frutas;
  • Produção com altíssimo padrão de higiene;
  •  Sem aditivos quimicos;
  • Sabores diferenciados de tudo aquilo que você já provou!!


 Venha saborear novas sensações !!!

Dados do produtor rural:

Angelo Carrancho Rayol
Insc. estadual-72.192.397
Responsável técnica- Marta de Abranches (bióloga)

Dados da produção:

ANVISA- Licença federal
Capacidade atual de produção 5.000 potes/ mês
 

Fale conosco:
Est. Mury-Lumiar, km 21, Alto do Poço Feio

Lumiar – Nova Friburgo - Rio de Janeiro/ Brasil

Cep-28616-970

Telefones:
21-9688-8909 (Vivo) Marta de Abranches
22- 92628983 (Claro) Angelo C. Rayol

Email: conservasmisturafina@gmail.com


O Sitio Abaetetuba

Casa sede à noite

As conservas  da marca "Mistura fina" fazem parte da produçao do Sítio Abaetetuba.


O principal objetivo do Sítio Abaetetuba é a produção de alimentos de qualidade, substituindo as técnicas modernas de plantio, altamente dependentes de energia externa, por alternativas agroecológicas de baixo impacto; a divulgação de formas sustentáveis de plantio e seus benefícios em relação a diminuição da degradação ambiental; a melhora da qualidade de vida na região. O trabalho inclui a produção de mudas nativas, minhocário, compostagem, sistemas agroflorestais, horta orgânica (certificada pela Abio e pela Ecocert), agroindústria, resgate de sementes e variedades tradicionais , recuperação de áreas degradadas, bioarquitetura, consultoria e planejamento de áreas sustentáveis.



Produção da horta orgânica

O Sítio, além de ser um núcleo de difusão de Permacultura, é, também, um espaço de convivência e aprendizagem. Um espaço que já recebe pessoas de todos os Estados do Brasil e de fora do Brasil, grupos de diferentes Universidades, pessoas de diferentes formações, todos em busca de um novo modelo de vida que garanta a sobrevivência da espécie humana no planeta.


                                                 
                                                    Borboleta "88" - espéicie ameaçada de extinção


O nome: ABAETETUBA é de origem Tupi-Guarani. Significa: LUGAR DE GENTE BOA (abaé = gente boa, amigo + tuba → tiba = lugar).



Para saber mais: http://permaculturarj.blogspot.com/